Caixa 2: empresário pagou R$ 5 milhões a Lindbergh Farias, diz Cabral

Senador Lindbergh Farias - Oposição vence na votação da Reforma Trabalhista, na Comissão de Assuntos Sociais. O governo sorriu uma derrota inesperada. Brasília, 20-06-2017. Foto: Sérgio Lima/PODER 360.

Em depoimento, o ex-governador Sergio Cabral admitiu que também recebeu propina e Caixa 2 do empresário Arthur Soares.

“Em 2002, ele se aproxima de mim na minha candidatura ao Senado. Ele doou R$ 1 milhão para a minha campanha e passamos a nos encontrar nos Estados Unidos com frequência.

Quando me elegi governador, em 2006, ele doou R$ 5 milhões como caixa 2″, garantiu Cabral. O valor teria se repetido quatro anos depois, quando Cabral se reelegeu governador. Segundo o emedebista, os repasses também foram feitos a Lindbergh Farias (PT). “Em 2010, como a campanha foi muito grande, Arthur deu R$ 5 milhões à minha campanha, mas deu mais 5 milhões à campanha do Lindbergh Farias ao Senado,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: