Juiz que abriu processos contra Kirchner morre na Argentina

O juiz federal argentino Claudio Bonadio morreu, nesta terça-feira (4), aos 64 anos, de acordo com informações de familiares.

Ao longo dos últimos anos, Bonadio levantou vários processos contra a vice-presidente Cristina Kirchnere ex-funcionários de seu governo quando ela era presidente.

A morte do magistrado aconteceu em sua própria casa em Buenos Aires, na capital da Argentina.

Bonadio passou por uma cirurgia na cabeça no ano passado e havia acabado de solicitar uma prorrogação de sua licença até 1º de março. 

As causas da morte, no entanto, ainda não foram informadas, registra a agência France-Presse.

Um dos seus casos mais relevantes é o chamado “Escândalo dos Cadernos”, que investigou uma rede de subornos que envolvia empresários e ex-funcionários do governo Kirchner (2007-2015).

Com as informações Renova Mídia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: