Metrô de SP já demitiu 58 funcionários que participaram da greve geral

O Metrô de São Paulo está demitindo os metroviários que participaram da greve geral convocado contra a reforma da Previdência, no último dia 14 de junho.

Em 15 dias, a empresa estatal paulistana já demitiu 58 pessoas. Os funcionários que participaram descumpriram decisão judicial. Prejudicaram 84% dos usuários do metrô em dia útil, uma sexta-feira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: