Camilo está entre os candidatos com maior dívida de campanha nas eleições de 2018

Dados do Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) indicam que mais de 1.000 candidatos ficaram com dívidas de campanha nas eleições de 2018. Segundo os números, o saldo dos devedores daqueles que participaram apenas do primeiro turno e já tiveram suas contas fechadas é de R $ 77 milhões.

O governador reeleito do Ceará, Camilo Santana, do PT, aparece entre os candidatos com maior endividamento. Ele contou um pendente de mais de US $ 3 milhões. Apesar de ter arrecadado mais de R $ 4 milhões, o candidato teve despesas que ultrapassaram a marca de R$ 8 milhões ao longo da campanha.

Dos mais de 18 mil candidatos que enviaram as contas para o TSE, 1.245 têm um saldo devedor. Destes, 129 foram eleitos.

Camilo Santana foi reeleito no primeiro turno. O PT alcançou mais de 90% dos votos em 110 dos 184 municípios do Ceará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: