“Garotos trans, homens e pessoas não-binárias podem menstruar.”

Sim. Eu sei que o texto da manchete é um absurdo. Mas calma. Note que o texto está entre aspas. É uma citação. A intenção era mesmo chocar o leitor para chamar a atenção para as atitudes de alguns progressistas ingleses que beiram a insanidade mental.

Esta pérola da esquerda inglesa está registrada no documento “Item Agenda 24” do conselho da cidade de Brighton & Hove City do Reino Unido. O documento é basicamente um manual de conduta para escolas que queriam aderir ao que eles chamam de Escola de Menstruação Positiva(Period Positive School)

Segue abaixo alguns trechos  do documento:

“Garotos trans, homens e pessoas não-binárias podem menstruar.”
“Falar e aprender sobre a menstruação deve incluir todos os gêneros, culturas, credos e orientações sexuais. Por exemplo: ‘garotas, mulheres e outros que possuem menstruações'”

O documento é assinado por duas “consultoras de educação”, Sam Beal e Emma McDermott, ambas militantes de esquerda.

Está é, portanto, mais uma evidência de como a ideologia propagada pelos movimentos de esquerda ignora o mundo real e fabrica um mundo fantasioso em que preferem viver.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: