Mourão quer influenciar Bolsonaro para não fazer pedido feito por eleitores religiosos

Um assunto polêmico que está em pauta e pode desagradar os aliados de Bolsonaro diz respeito a transferência da embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém. Enquanto o filho do próximo presidente do Brasil já afirmou categoricamente que haverá a mudança e não existem possibilidades da equipe do líder conservador voltar atrás.

No outro lado encontra-se Mourão que apresenta posicionamento oposto, o vice do Bolsonaro considera que tal alteração pode estimular o que ele classifica sobre o terrorismo. Até o presente momento Jair não voltou atrás do que disse. Porém, Mourão apresenta posicionamento oposto levando em consideração que o vice não aprova

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: