Dodge pede fim de lava jato nos EUA

A procuradora geral da República Raquel Dodge impetrou uma ação no Supremo Tribunal Federal solicitando o fim do acordo que a lava jato obteve com o governo dos EUA para o ressarcimento de valores perdidos de investidores norte americanos pela corrupção da empresa estatal Petrobrás.

A 13ª vara de Curitiba sob os auspícios da Juíza Gabriela Hardt anuiu um acordo entre a força tarefa da lava jato e governo americano, foi acordado que uma parte da multa, de cerca de 2 bilhões, seria enviado para instituições de caridade ou causas sociais a serem alocados pela mesma força. O argumento da Procuradoria se firmou na limitação jurídica que o Ministério Público Federal encontraria ante a execução do acordo, no qual a procuradora afirma que não cabe ao Ministério Público gerir recursos e não é jurisdição da justiça federal ratificar o acordo.

A força tarefa em nota afirmou que a confecção do fundo foi cancelada no qual reafirmou que os recursos iriam ser destinados em prol da população que espera a decisão do STF sobre o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: