Governador petista a favor da reforma da previdência

Contrariando a orientação radical do partido à proposta de reforma da previdência, o governador da Bahia Rui Costa afirmou ser favorável a proposta do Presidente Jair Bolsonaro, apontando 4 ressalvas ao texto original, como ele declara abaixo em entrevista a Folha de São Paulo:

Quando se fala de Previdência, é preciso ter uma regra perene. Segundo, a capitalização vai arrebentar tanto a Previdência pública quanto a privada, e só beneficia os bancos. Os outros pontos são a questão rural e a prestação continuada. No documento, nos comprometemos que, se esses quatro pontos fossem retirados, nós aprovaríamos a reforma.

Ele também afirmou na mesma entrevista que não é desejável nem para a oposição um governo desarticulado e fraco, como o próprio governador aponta.

Deixe uma resposta