Esquema de próteses no IJF é deflagrado pela PF

Com a deflagração da operação “Fratura exposta” empreendido pela PF com início no dia 11 deste mês. Foi exposto que dentro dessa rede criminosa somente um dos médicos obteve lucro de mais de 500 mil reais com fraudes licitatórios para fornecimento de Material ao Sistema Único de Saúde ao Hospital Instituto José Frota, dentro do esquema foi identificado até agora 11 médicos no esquema.
Por meio de nota, a Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia do Estado do Ceará manifestou que “acompanha com atenção os resultados da Operação”. Ressalta que a entidade é a favor de toda investigação que identifique fraudes no sistema de saúde ou qualquer tipo de ato criminoso, mas salienta “a boa fé e o compromisso ético” da grande maioria dos ortopedistas cearenses que lutam por uma medicina “distante de práticas ilegais”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: