O presidiário Lula vira réu novamente, dessa vez por suspeita de lavagem de R$ 1 milhão

O presidiário e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se tornar mais uma vez réu pela Operação Lava Jato nesta sexta-feira (14), dessa vez é sob acusação de crime de lavagem de dinheiro.

O presidiário Lula é acusado de ter recebido R$ 1 milhão como contrapartida a supostas interferências em decisões do ditador Teodoro Obiang, da Guiné Equatorial, que teriam beneficiado os negócios do grupo brasileiro ARG no país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: